As pessoas mais sensíveis nasceram com uma capacidade extraordinária de sentir. São seres humanos privilegiados, apesar de sofrerem mais.

São pessoas que conseguem observar a beleza em tudo o que as rodeia.

Por vezes, as pessoas insensíveis não compreendem os seres sensíveis. Principalmente, não entendem o nosso modo de agir, e de sentir.

Nunca devemos deixar de ser como somos. Considero uma dádiva que nasceu connosco.

- Ana Fernandes - 07042017-_

Ser-se sensível, é ter a capacidade de sentir com todos os sentidos;

Ser-se sensível, é ter um coração que sabe verdadeiramente sentir;

Ser-se sensível, é sentir as palavras, os atos, com um sentimento que vai para além do superficial;

Ser-se sensível, é sentir a falta de alguém que está ausente;

Ser-se sensível, é conseguir colocar-se no lugar do outro;

Ser-se sensível, é ser-se verdadeiramente amigo (a) de alguém;

Ser-se sensível, é abraçar o outro com todo o nosso amor;

Ser-se sensível, é dar a mão a quem precisa de se levantar;

Ser-se sensível, é conseguir apoiar quem precisa de uma palavra amiga;

Ser-se sensível, é saber aceitar cada pessoa tal e qual como ela é, com os seus defeitos e qualidades;

Ser-se sensível, é não discriminar ninguém pela sua aparência ou cor;

Ser-se sensível, é conseguir dizer-se sempre a verdade;

Ser-se sensível, é amar o outro, como te amas a ti próprio;

Ser-se sensível, é conseguir sentir a felicidade de quem nos rodeia;

Ser-se sensível, é conseguir ver para além das aparências;

Ser-se sensível, é sentir a felicidade do outro no nosso coração;

Ser-se sensível, é transmitir amor e carinho às pessoas mesmo não as conhecendo, aos animais mesmo os abandonados;

Ser-se sensível, é entender o silêncio;

Ser-se sensível, é saber escutar verdadeiramente o outro, com todos os nossos sentidos;

Ser-se sensível, é conseguir ser-se delicado;

Ser-se sensível, é ser-se frágil e forte ao mesmo tempo;

Ser-se sensível, é chorar sem sentir vergonha;

Ser-se sensível, é sentir os sentimentos à “flor-da-pele”;

Ser-se sensível, é ser-se sempre justa (o), sincera (o);

Ser-se sensível, é ter-se cuidado com as palavras que se dizem;

Ser-se sensível, é recordar com saudade o que se viveu (e até do que nunca aconteceu);

Ser-se sensível, é saber acordar com um sorriso e encarar o mundo com “outros” olhos;

Ser-se sensível, é saber sentir-se a poesia do que se escreve;

Ser-se sensível, é não guardar rancor;

Ser-se sensível, é saber amar;

Ser-se sensível, é sentir a música do “mundo” dentro de nós;

Ser-se sensível, é saber apreciar a beleza das pequenas coisas;

Ser-se sensível, é saber valorizar-se as pessoas, os animais, a natureza, o planeta;

Ser-se sensível, é saber amar a natureza;

Ser-se sensível, é saber ouvir os sons da natureza que nos rodeiam;

Ser-se sensível, é saber amar um belo pôr-do-sol;

Ser-se sensível, é saber sentir a chuva sobre o corpo;

Ser-se sensível, é conseguir abraçar uma árvore, e sentir a sua energia;

Ser-se sensível, é conseguir sentir uma simples flor, com a ponta dos dedos;

Ser-se sensível, é conseguir observar o céu, a lua, as estrelas em uma noite límpida e amá-las;

Ser-se sensível, é conseguir deixar-se sensibilizar;

Ser-se sensível, é conseguir ter-se uma compreensão sensível perante o que nos acontece, aos outros, e ao mundo.

- Ana Fernandes - 07042017- 1

Talvez penses, de que vale a pena ser-se sensível num mundo em que a maior parte das pessoas não o é?

Tens razão!

Infelizmente, a maioria é demasiado insensível… Mas não te preocupes, não dês importância à maioria. Se és sensível a este ponto, continua a sê-lo. As pessoas como eu, e tu, conseguem fazer a diferença no mundo.

A nossa sensibilidade marca de forma positiva algumas pessoas em quem “tocamos”. Digo algumas, porque são poucas aquelas que se deixam sensibilizar. 

Sente em todos os momentos da vida, a tua bela sensibilidade, é ela que te permite ver para além do superficial.

“A vida é como a música. Deve ser composta de ouvido, com sensibilidade e intuição, nunca por normas rígidas.”

Samuel Butler

Categorias: Saber ser-se humano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos relacionados

Saber ser-se humano

Amizade

Atualmente, o conceito de amizade está demasiado alterado. Isto, no que diz respeito ao seu verdadeiro significado. Quando eu observo as pessoas ao meu redor, noto que elas começam imediatamente a chamar amigo (a) à Ler mais…

Saber ser-se humano

Saber ser-se humano…

Saber ser-se humano, algo que todos nós deveríamos de saber ser! Na minha opinião, uma grande parte das pessoas está a mudar. Não agem como seres humanos que são. Porque será? Onde estão os valores Ler mais…