Testes em animais, BASTA!

Terça-feira, 2 Março 2010 07:36

Reflete bem antes de comprares seja que produto for. Se desconheces as marcas que fazem testes em animais informa-te. Por exemplo, através da Internet. Acredita, juntos podemos fazer a diferença!

Se descobrires que a marca que utilizas testa em animais, por favor, deixa de a usar. Estarás a mostrar que não concordas com a morte de tantos animais. Felizmente, existem alternativas! Podes sempre escolher uma outra marca.

Sabes, o facto de deixarmos de comprar certas marcas, irá originar uma queda no consumo desses produtos. Talvez deste modo, as empresas sintam na pele que não devem continuar a abusar dos animais.

Assim como nós temos alternativas aos produtos que testam em animais, também existem alternativas para se deixar de testar em animais. Mas, o homem irracional só pensa em lucrar e pouco gastar. Como é mais barato usar animais ao invés das alternativas, os cientistas continuam a matar milhões, e milhões de animais em todo o mundo.

Temos de lutar para os proteger, eles merecem seres livres, e não explorados!

Acredita, muitos animais conseguem ser mais humanos que os próprios seres humanos!

As empresas de pesquisa científica importam-se mais com a ciência do que com os animais, com vidas. Estas deveriam de ser consideradas “sagradas”. Logo, deveriam de ser respeitadas!

Na minha opinião, os cientistas que fazem testes em animais já não sentem absolutamente nada em relação a estes seres maravilhosos. Transformaram-se em “máquinas humanas” completamente frias, vazias no olhar, e nos sentimentos! Por isso, estes seres humanos são indiferentes ao sofrimento dos animais. Limitam-se a olhá-los, e a apontar as reações a determinados produtos que lhes injetam.

Como lamento que os animais não sejam considerados humanos. Se assim fosse, tudo isto não aconteceria.

Sinceramente, eu não consigo entender como podem existir tantas pessoas insensíveis, sem consciência da crueldade que estão a praticar.

As empresas de pesquisa científica afirmam que este tipo de procedimento (testes em animais) é o que garante a qualidade dos produtos. Ou seja, para que os possamos usar ou ingerir. Por exemplo, os cientistas dizem que os testes em animais irão evitar alergias ou intoxicações nos seres humanos. Mas, será mesmo verdade?

Demasiado desumano!

Muitos dos testes realizados em animais são inúteis, e estes morrem desnecessariamente. Por exemplo, certas substâncias que foram aprovadas em testes e aplicadas nos humanos revelaram que estes não obtiveram o efeito desejado que se esperava. Podemos concluir que muitos dos testes, e muitas mortes (incluindo de seres humanos, depois de ingerirem certos medicamentos) poderiam ser evitadas se não se usasse este procedimento arcaico.

Até quando o homem continuará cego?

Será que o homem não se apercebe que por muito que teste em animais nunca será 100% eficaz?

Se os testes não garantem a nossa segurança, porque organismos diferentes reagem de formas diferentes, porque é que os cientistas continuam com esta barbaridade?

Os testes em animais são demasiado severos para os animais. Causando-lhes lesões graves, e um sofrimento lento e silencioso.

Tudo isto poderia de ser evitado. Poderiam parar com a exploração animal porque na realidade o produto final é testado em nós mesmos. Nós somos as cobaias seguintes, depois aos animais. Pensa nisto!

Lamentável!

Errado!

Injusto!

Os testes mais comuns praticados nos animais, são os seguintes:

Teste de Irritação dos Olhos

Serve “para medir a ação nociva dos ingredientes químicos encontrados em produtos de limpeza, e em cosméticos. Os produtos são aplicados diretamente nos olhos dos animais conscientes.”

Consegues imaginar o sofrimento do animal?

Os coelhos são os animais mais baratos, e como têm uns olhos grandes, facilita a observação dos resultados. Por isso, são os que mais sofrem!

Os coelhos são utilizados nos chamados teste Draize. Eles são imobilizados em suportes, deixando-lhes a cabeça de fora. Depois, colocam-lhe clipes de metal nos olhos. Deste modo, as pálpebras não se fecham, obrigando a que os olhos do pobre coelho se mantenham abertos permanentemente. Também não é utilizada anestesia alguma, causando dores horríveis aos coelhinhos.

Para se saber o resultado do teste Draize, são necessárias mais ao menos 72 horas. Por vezes, os animais são mantidos nestas condições durante 18 dias.

18 dias! Dá que pensar, não dá!? Quanto sofrimento!

As consequências que advêm deste procedimento são desumanas. Os coelhinhos sofrem de inflamações nas pálpebras e na íris, hemorragias, cegueira, entre outros.

Quando o teste é concluído, os coelhos são mortos para se “averiguar os efeitos internos das substâncias experimentadas.”

Ainda assim, “os olhos de coelho são um modelo pobre para os olhos humanos.” De que vale morrerem tantos coelhinhos?

Vá-se lá entender, a ignorância dos cientistas!

Depois dos coelhos serem usados e abusados são mortos!

Sem comentários!

Muito triste!

Teste Draize de Irritação Dermal

Este tipo de teste consiste em paralisar o animal. De seguida, aplicam-lhes certas substâncias sobre a pele raspada ou em ferida (pressionam, várias vezes, fita adesiva sobre a pele do animal, e arrancam-na violentamente até que surjam camadas de carne viva).

As substâncias aplicadas provocam enrijecimento cutâneo, úlceras, edemas, etc.

Como podes imaginar, este procedimento é muito doloroso para o animal.

Sem palavras!

Teste LD 50:

É a “abreviatura para o termo inglês Lethal Dose 50 Percent (dose letal 50%). Criado em 1920, o teste serve para medir a toxicidade de certos ingredientes. Cada teste LD 50 tem a duração de alguns dias, e utilizam-se 200 ou mais animais.”

Na minha opinião, é só mais um tipo de teste arcaico!

Quando será que vamos começar a usar as tecnologias mais recentes? As alternativas?

No início deste teste, o pobre do animal é forçado a ingerir uma determinada substância, através de uma sonda gástrica. Este processo causa muitas vezes a morte por perfuração. Também “pode ser administrada por via subcutânea, intravenosa, intraperitoneal, misturada à comida, por inalação, via retal ou vaginal.”

Imagina, até ou mais de 200 animais, expostos a este tipo de teste atroz!

É justo, roubarem-se tantas vidas em prol da beleza, e de lucros?

O dinheiro não se deveria de sobrepor a vidas!

Imagina, o sofrimento dos animais de teste. Eles sofrem “dores angustiantes, convulsões, diarreias, dispneia, emagrecimento, postura anormal, epistaxe, sangramento nos olhos e boca, lesões pulmonares, renais e hepáticas, coma e morte.”

No Teste LD 50, o produto é continuamente aplicado até que 50% do grupo experimental morra. É horrível!

Os animais submetidos a este tipo de teste são os seguintes, ratos, gatos, macacos, coelhos, cães e cabras.

Quando o teste termina, os animais que sobrevivem a este tipo de sofrimento são sacrificados.

“Anualmente cerca de 4 a 5 milhões de animais nos EUA são obrigados a inalar e a ingerir (por tubo inserido na garganta) loções para o corpo, pasta dental, amaciadores de roupa e outras substâncias potencialmente tóxicas.

Mesmo, quando o LD 50 é usado para testar substâncias claramente seguras, é praxe buscar a concentração que forçará a metade dos animais à morte. Assim, os animais têm de ser expostos a exorbitantes quantidades de substâncias proporcionalmente impossíveis de serem ingeridas acidentalmente por um ser humano.

Este teste, não constitui um método científico confiável, pois os resultados são afetados pela espécie, idade, sexo dos animais, bem como as condições de alojamento, temperatura, hora do dia, época do ano, e o método de administração da substância.

Um prognóstico seguro da dose letal para os humanos é impossível de ser detetado através dos animais.”

Mais uma vez, este tipo de teste não é 100% eficaz.

Então, porque é que se continuam a matar tantos animais desnecessariamente?

Porque é que se continua a causar tanta dor a estes belos seres?

Porquê?

Porque é que lhes causam tanta dor?

Dói, só de se olhar para estas imagens!

Testes de Toxidade Alcoólica e Tabaco

Este é outro tipo de teste que deveria de acabar!

E porque é que digo isto?

Porque já se conhece há muito tempo os efeitos causados deste tipo de consumo. Portanto, já são mais do que conhecidos os resultados. Mas mesmo assim, o homem continua este teste absurdo.

Este tipo de teste, os animais são forçados a inalar fumo, e embebedam-nos! No final, são dissecados, para se estudar os efeitos deste tipo de substância no organismo.

O que é que o homem pretende com tanta morte?

Pergunto-me, como será viver num mundo sem animais?

Já chega de tortura!

Experimentos de Comportamento e Aprendizado:

Com este tipo de teste o homem pretende estudar o comportamento dos animais. Estes são submetidos a todo o tipo de privação que se possa imaginar. Desde a privação materna, social, alimentar, de água, de sono, entre outros.

Para testarem os animais, infligem-lhes dor. De seguida, observam a sua reação, e o medo gerado no animal. Também costumam dar-lhes choques elétricos, para aprendizagem e indução a estados psicológicos stressantes.

Em muitos destes estudos fazem uma abertura no cérebro do animal, em diversas regiões e implantam-lhes elétrodos. Com o objetivo de estimularem diversas áreas para estudo fisiológico.

Por exemplo, tiram partes do cérebro aos animais, e de seguida são colocados em labirintos para que estes encontrem a saída.

Também obrigam os animais a premer um botão. Desta forma, são “ensinados” a conseguirem alimento quando pressionam no botão. Se carregarem no errado recebem choques elétricos.

Outros animais são operados propositadamente, e em estado vegetativo são deixados durante dias inteiros em equilíbrio, sobre plataformas cercadas de água. Desta forma, evitam que os animais adormeçam. Realmente, é demasiado chocante o que o homem faz com os animais!

Sinceramente, deveriam de fazer o mesmo às pessoas que fazem este tipo de testes aos animais. Talvez sentissem o quão errado é o que estão a fazer!

Na minha opinião, estas não são as formas corretas de se estudar o comportamento animal.

Tudo isto é desumano!

Eu não posso ficar indiferente!

Ninguém deveria de ficar indiferente!

Todos deveríamos de lutar pela libertação dos animais!

Temos de começar a agir!

A começar por deixar de comprar os produtos que testam em animais!

Isto não deve, não pode continuar.

O homem é tão desumano!

O olhar sofrido dos animais. Um grito silencioso, pede socorro!

Para quê a implantação de eléctrodos no cérebro dos animais?

Experimentos Armamentistas:

Testes de irradiação de armas químicas.

Os animais são sujeitos à irradiação, causando-lhes vómitos, salivação intensa e letargia.

Testes biológicos. 

Expõem os animais a insetos hematófagos (que se alimentam de sangue).

Testes balísticos.

Este diz tudo! Os animais servem de alvo! Eles são baleados na cabeça para o estudo da velocidade dos mísseis. Assim como, muitos são expostos ao efeito bomba, ou seja, fazem-nos explodir.

Testes de inalação de fumo.

Como por exemplo, obrigam os animais a respirarem gases tóxicos.

Os animais mais usados para este tipo de testes são os porcos, coelhos, ratos, ovelhas, cães e primatas.

Todas estas mortes foram e continuam a ser desnecessárias!

Para quê tudo isto?

Porque se matam tantos animais em vão?

Por uma “causa ilusória”, e que de nada nos serve?

Porque é que não se usam as alternativas, ao invés de vidas?

Entristece-me, e muito, as atitudes irracionais do homem. Este ainda se considera inteligente! Mas, de inteligente não tem nada!

Chego à conclusão que o homem é a espécie mais terrível à face da Terra. Mais nenhuma espécie faz o que o considerado ser humano faz com as outras espécies.

Ser humano, nem deveria de ser chamado de tal… As pessoas que praticam estas atrocidades de humano não têm nada!

Sinceramente, as pessoas desaprovaram o comportamento de Adolf  Hitler no passado, ou seja, acharam as suas ações monstruosas, e demasiado desumanas. Isto, porque um número exorbitante de pessoas foram mortas por causa dele.

Mas, nos dias de hoje, o homem faz exatamente a mesma coisa, seja com pessoas, seja com animais. Afinal, sempre existirão “Adolfos Hitleres”… É triste, descobrir esta verdade!

Teste de Colisão

Os pobres dos animais são lançados contra paredes de concreto.

Consegues imaginar o terror que devem sentir os animais? 

Consegues imaginar a dor que eles devem sentir se não morrerem instantaneamente?

Os animais utilizados nesta experiência macabra são vários. Principalmente, primatas. Fêmeas grávidas também são utilizadas nesta prática horrenda. 

Mais palavras para quê? 

Acho que consegues imaginar o que lhes acontece quando projetados com toda a força contra paredes…

Porque é que o homem lhe causa tanto pânico?

Não se justifica tanto sofrimento…

Pesquisa de Programa Espacial

Cães, e macacos, são enviados para o espaço por meio de balões, foguetes, cápsulas espaciais, mísseis e paraquedas.

Desta forma dizem-nos (os “belos peritos” que nada sabem), que conseguem avaliar os parâmetros fisiológicos dos animais por meio de fios, agulhas, máscaras, entre outros.

Só tenho uma coisa a dizer, estamos na Era da Estupidez humana, e na Era do Holocausto Animal!

Progresso? 

Não!

Retrocesso, isso sim!

Humano desprezível!

Queria ver se gostavas que testassem o mesmo em ti!

Pesquisas Dentárias

Neste tipo de teste, os animais são obrigados a manter uma dieta prejudicial em açúcar. Durante cerca de três semanas. 

Em outros animais, introduzem bactérias na boca para estimular a decomposição dos dentes. 

Depois, sujeitam-nos a testes odontológicos.

Os animais ficam com as gengivas deslocadas, e a arcada dentária removida.

Cães, ratos, e primatas, são submetidos a este tipo de teste.

Dissecação

Os animais são dissecados vivos nas universidades, e noutros centros de estudo.

Vivos! 

Dá que pensar, não dá?

Onde ficam as alternativas no meio de tudo isto? Onde?

Os animais não merecem todo este sofrimento!

Cirurgias Experimentais e Práticas Médico-Cirúrgicas

Mais uma vez, diversos animais servem de cobaias. Desde cães, gatos, primatas, entre outros. Estes são usados como modelos experimentais para o desenvolvimento de novas técnicas cirúrgicas ou aperfeiçoamento das já existentes.

São efetuadas (constantemente) nos animais cirurgias, torácicas, abdominais, ortopédicas, neurológicas, e até transplantes.

Os animais são mutilados, ficando sem alguns dos seus membros. Ou seja, eles são operados, costurados, decapitados, transplantados, e tudo isto sem anestesia!

Que dores horripilantes que se provocam nos animais.

Para quê? 

O organismo humano é muito diferente dos animais. 

Quando se começará a usar as alternativas existentes?

Alternativas, o que são?

Pode-se definir alternativas como sendo recursos educacionais ou abordagens educativas que substituem o uso de animais ou complementem práticas humanitárias de ensino.

” A educação humanitária no ensino de ciências pode ser encontrada quando:

– estudantes são respeitados na sua liberdade de escolha e opinião;

– animais, não são submetidos ao sofrimento ou mortos em práticas educativas;

– os objetivos educacionais são obtidos utilizando-se métodos e abordagens alternativas;

– a educação estimula a visão holística e o respeito à vida.”

As alternativas são inovadoras, pois estas possibilitam o ensino sem qualquer prática com animais. Um estudo comprovou, que muitos estudantes que utilizaram este método aprendem tão bem quanto aqueles que usam o método tradicional de experimentação animal.

“A adoção de métodos alternativos mantém a educação atualizada e sincronizada com o progresso tecnológico, com o desenvolvimento de métodos de ensino e contribuem para o pensamento ético. Mostram o respeito para com as considerações éticas dos professores e estudantes, e para com os animais.”

Não vou aprofundar no que consiste cada uma das alternativas. Simplesmente, pretendo mostrar-te que elas existem e são eficazes.

As alternativas podem ser

O uso de modelos e simuladores mecânicos – sendo estes úteis ao estudo de anatomia, fisiologia e cirurgia.

Filmes e vídeos interativos – estes oferecem a possibilidade de repetição, assim como, se utilizarem o modo câmara lenta pode-se ver os detalhes mais pormenorizadamente.

Simulações computadorizadas e realidade virtual – “Desenvolvimentos no campo da realidade virtual têm possibilitado o uso de técnicas de imagem de alta qualidade no trabalho de diagnóstico e tratamento no estudo e prática de medicina humana.”

Auto experimentação – “Estudantes de biologia e medicina participam em práticas cuidadosamente supervisionadas, onde eles são os animais experimentais para o estudo de fisiologia, bioquímica e outras áreas.”

Uso responsável de animais – “animais que morreram naturalmente, ou que sofreram eutanásia por motivos clínicos, ou que foram mortos em estradas, etc.”, podem muito bem ser usados para o estudo de anatomia e cirurgia.”

Estudos de campo e de observação – “Existe uma gama ilimitada de práticas alternativas que podem ser aplicadas através do estudo em campo. Animais selvagens e domésticos, e obviamente humanos, oferecem oportunidades para o estudo prático não invasivo e não prejudicial no estudo de zoologia, anatomia, fisiologia, etologia, epidemiologia e ecologia.”

Experiências in vitro – “são todos os processos biológicos que têm lugar fora dos sistemas vivos, no ambiente controlado e fechado de um laboratório e que são feitos normalmente em recipientes de vidro”.

Com esta pequena descrição espero que tenhas ficado com uma ideia das alternativas existentes.

Para terminar, informo-te que os animais são diferentes dos humanos, anatómica, fisiológica e bioquimicamente.

Mesmo assim, o homem continua a matar seres indefesos em vão.

Pergunto-me, porque é que os testes em animais ainda não foram substituídos pelas alternativas existentes?

Porquê?

No meu entender, só não o foram ainda, porque existe por trás de toda esta crueldade, interesses económicos. Interesses que vão desde a existência de indústrias de cobaias, à venda de máquinas para os testes, entre outros.

Infelizmente, o dinheiro é mais importante que tudo o que possa existir à face da Terra! Por isso, é que a vida de um animal, na consciência de muitos, não é tão valiosa quanto a “porcaria” do dinheiro! Este está a levar à extinção a maior parte dos animais do nosso planeta.

É lamentável, esta dura realidade!

Vidas, devem de ser mais importantes que tudo o resto…

Um dia, a justiça será feita, e todos os animais serão livres, e viverão felizes no seu habitat natural!

Relembro-te, não compres produtos testados em animais!

Quando pegares seja em que produto for, pergunta a ti próprio, quantos animais foram mortos para produzirem este produto?

Divulga também as marcas que fazem testes em animais. Elas merecem perder os seus consumidores, e os animais agradecerão o teu gesto.

Juntos podemos fazer a diferença!

Juntos, consciencializaremos as pessoas a não comprarem produtos testados em animais!

Se fosses tu a cobaia?

Se fossem os animais a praticar as atrocidades em ti?

Como te sentirias?

Be Sociable, Share!

18 Comentários

  1. Miriam   |  Quarta-feira, 10 Março 2010 em 19:28

    Olhar para estas imagens até dói! É uma realidade demasiado real, passa a redundância.

  2. gledson pedro vicentin   |  Domingo, 26 Dezembro 2010 em 23:50

    Hoje não precisa mais ultilizar animais para experimentos laboratoriais e ciêntificos tem outros meios, através da simulação computadorizada com programas de computadores imitando cobaias. com efeitos similares. e alêm disso tem varios centros de cosméticos que dizem no rotulo não usamos animais para cobaias. esses que usam animais estão totalmente absoletos. e os entendidos de hoje dizem que os efeitos nas cobaias não é o mesmo nos seres humanos. sendo assim não descobrirão tão cedo drogas para os tratamentos de seres humanos enquanto, usarem animais como cobaias, os efeitos das drogas nos animais é diferentes nos seres humanos, sabendo que nas cobaias é muito mais fácil de curar as doenças dos animais do que usando a mesma droga nos seres humanos.

  3. Gledson   |  Sábado, 12 Março 2011 em 23:33

    testes em vão, não chega a nenhum positivo. e ainda querem descobrir a cura do cançer. matando animais, o corpo do animal é diferente dos seres humanos. e o projeto genôma tem algum avanço nisso? a imortalidade do homem. chegará a acontecer. sendo que o homem usa ainda tecnicas primitivas. para a evolução na medicina. a cura da aids tem um longo caminho a percorrer. enquanto o homem não deixar de matar animais . tudo o que o homem desenvolveu até agora foi só na mente deles. pois na pratica não existe nenhuma evolução na medicina.

  4. dryka   |  Quinta-feira, 17 Março 2011 em 19:20

    nossa que maldade que fazem com os animas dá odio de ver quem faiz isso com eles

  5. Fabrício Cristiano   |  Domingo, 20 Março 2011 em 22:41

    Não concordo e nunca concordei com esses modelos de teste. É absurdo só em sizer que é outros tipos de teste. Independente disso todo o procedimento é cruel e abusivo feito somente por pessoas sem o mínimo amor e piedae no coração. Eu? Faço minha parte, procuro geralmente produtos que informem o não uso de teste com animais. E você?!

  6. maria lucia parreira   |  Quarta-feira, 26 Outubro 2011 em 23:18

    basta de testes em animais.isso é absurdo.

  7. maria lucia parreira   |  Quarta-feira, 26 Outubro 2011 em 23:19

    Testes em animais, BASTA!

  8. Claudia de Carvalho   |  Sexta-feira, 28 Outubro 2011 em 12:58

    Basta de testes em animais. Não comprarei mais nada que usem dessa prática hedionda.

  9. Quel   |  Quinta-feira, 12 Janeiro 2012 em 21:40

    Gostei de seu blog, Ana!

    Criei um blog sobre respeito aos animais, meio ambiente, respeito a vida..
    Vou compartilhar esse seu artigo “Testes em animais, BASTA!”.
    Temos que mostrar ao mundo, o tormento que esse animais sofrem, até a morte… por motivos mediocres.
    A luta contra a crueldade animal é grande… Mas estamos juntas nessa luta!

    Quando puder faça uma vistia em meu blog >>> http://sosplanetanimal.blogspot.com/

    Beijo!

  10. nokitas   |  Sábado, 14 Janeiro 2012 em 12:49

    Muito Obrigada, Quel! 🙂
    Também adorei muito o teu blog… se todas as pessoas fossem como nós e lutassem contra as injustiças no mundo, contra o sofrimento de seres indefesos, de certeza que todos os seres poderiam viver em paz, liberdade e harmonia…
    Obrigada por partilhares o meu artigo! 🙂
    jinho

  11. roberto   |  Quinta-feira, 23 Fevereiro 2012 em 16:55

    sinceramente lendo tudo que eu li aqui no seu blog, ha antes de mais nada meus parabéns pelas denuncias aqui feitas por vc, fico supreso que a raça humana diante de tantas maldades ainda está aqui nesse planeta se partimos do ponto de vista em que as leis universais são de ação e reação,oquê estamos plantando de bom nesse planeta, guerras, fome, doenças,assasinatos em massa, abusos sexuais contra crianças e maus tratos contra os idosos e por ultimo a violencia contra todo tipo de vida animal em prol do conhecimento medico e cientifico será que vale apena ser ser humano será nossa colheita esta proxima deixo aqui essa frase para reflexão de todos aqueles que desrespeitam a vida como um todo. fiquem com deus

  12. nokitas   |  Domingo, 26 Fevereiro 2012 em 19:38

    Muito obrigada Roberto!
    Esperemos que o homem se dê conta do que anda a fazer e do que poderá mudar, principalmente!
    Se nada fazer, não sei que futuro, nós seres humanos, os animais e o planeta terão…

  13. Rosangela Menezes   |  Quinta-feira, 14 Fevereiro 2013 em 20:35

    Temos que lutar contra todas essas atrocidades que fazem com os seres vivos. Não podemos continuar nesse planeta como se somente os “seres humanos” fossem importantes. Antes de sugirmos neste planetinha tão pequeno em comparação com o Universo, milhões de seres vivos já se encontravam aqui. Bastou a nossa aparição para a vida de todos virar um verdadeiro inferno. É inconcebível que exista tanto descaso com a vida de tantos animais. Chorei muito ao ver essas imagens grotescas. Sofro quando penso e descubro que há tanta dor que poderia ser evitada. Sabendo de tudo isso, cheguei a ponto de torcer para que a minha espécie desaparecesse por completo. Já que não existe uma lei universal que puna todo o mal que fazem com tantos animais! Malditos laboratórios! Quanta falta de respeito com a vida desses inocentes. Quanto despreparo dessa nossa espécie que ainda por cima se considera superior. Superior só se for em crueldade sem limites.

  14. nokitas   |  Domingo, 03 Março 2013 em 22:42

    Infelizmente, sabemos que por muito que lutemos sempre existirão pessoas ignorantes, insensíveis, para não falar que as grandes industrias detêm o poder… para tal deveríamos agir juntos e nunca separados… mas infelizmente, a maioria das pessoas tapa os olhos… ):

  15. Eduardo   |  Sábado, 09 Março 2013 em 20:24

    visitei esse site pra fazer um um trabalho da escola e espero nunca mais ter que fazer algo assim de novo, é muito triste não tem o porque de tanto sofrimento! Mas fica numa situação difícil né eles querem descobrir cura pra doenças tratamento mas acho que é muito exagero fazem isso com muitos animais e nem fazem pesquisas pra comprovar que as experiencias não vão prejudicar os animais, eles enfiam umas porras neles e esperam pra ver o que acontece! são uns psicopatas não como essas pessoas dormem fazendo tudo isso!

  16. nokitas   |  Terça-feira, 12 Março 2013 em 13:48

    Concordo contigo Eduardo, não sei como estas pessoas conseguem dormir à noite. Assim como me faz imensa confusão, porque é que não começam a utilizar as alternativas em vez dos animais? Pessoas cruéis!!

  17. lia   |  Terça-feira, 13 Agosto 2013 em 0:28

    parabéns pelo ótimo trabalho em mostrar-nos como a ciência é desumana em nome da esperança de cura .são seres ignorantes que na realidade só estão preocupados em ganhar milhões de dólares, é nojento e revoltante , passarei a escolher somente medicamentos e produtos que não fizeram teste com animais .obrigado

  18. nokitas   |  Domingo, 18 Agosto 2013 em 11:07

    Obrigada, Lia!

Deixar uma resposta